Nova Era FM
Ouvir

Ministério Público abre 105 vagas de estágio para alunos de graduação e pós-graduação; saiba como concorrer

As inscrições estão abertas e devem ser feitas até as 23h59 do dia 5 de fevereiro. Salários variam entre R$ 700 e 1,5 mil. Ministério Público do Tocantins

Ronaldo Mitt - MPE-TO

Estudantes universitários que cursam pós-graduação e graduações em diversas áreas podem participar de seleção de estágio para o Ministério Público Estadual (MPE). São 105 vagas e os salários variam entre R$ 700 e R$ 1,5 mil.

A seleção é feita pela Universidade Patativa do Assaré (UPA). De acordo com o edital, as inscrições devem ser feitas até as 23h59 do dia 5 de fevereiro.

Clique aqui e se inscreva para as vagas de pós-graduação em Direito.

Clique aqui e se inscreva para as vagas de outros cursos.

Podem se inscrever estudantes que cursam pós-graduação nas seguintes áreas: Direito, Redes e Segurança, Análise e Desenvolvimento De Sistemas, Designer Gráfico Ou Digital, Designer De Interface e Sistemas Marketing. A jornada de estágio em pós é de 30h e o salário é o mais alto da seleção, R$ 1,5 mil.

Para quem faz pós-graduação em Arquitetura, Auditoria e Controladoria, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Gestão, Jornalismo, Pedagogia, Biblioteconomia, a remuneração será de R$ 1,2 mil.

Confira o edital aqui.

Já para graduação em Direito, Comunicação Social/Publicidade/Marketing, Ciência Da Computação, Engenharia Ambiental, Ciências Contábeis, Administração/Gestão Pública/Administração Pública, Arquitetura e Urbanismo, Pedagogia, Serviço Social, Geografia, Biblioteconomia, Biologia, o salário é de R$ 700, com carga horária de 20h semanais.

O estagiário também vai receber auxílio-transporte o valor de R$ 7 por dia estagiado presencialmente e terá direito a seguro de acidentes pessoais.

Seleção

Segundo o MPE, as etapas as seleção vão ser realizadas pela internet. Para os interessados no estágio de pós-graduação em direito, haverá uma prova on-line no dia 13 de fevereiro. Os demais vão passar por uma análise documental

Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

NOTÍCIAS MAIS LIDAS